Venham as Andorinhas

Aiiiiiii, se nos vemos na praia, pézinho na areia, gotinhas de água e sal ao de leve na cara, elegantemente escondidas atrás das abas de um chapéu imenso. A olhar a prole, debruçadas sobre os óculos de sol que reflectem a perfeição do dia. Tudo é claro e solar.

Venham as andorinhas, e a seguir as gaivotas!
e até perdoamos a chinfrineira que fazem nas praias desertas, amorosamente abandonadas, desde que seja uma praia, desde que seja Verão.

(este post é dedicado a todas as mães esmeradas dos nosso dias. As que gostavam de ser mães a tempo inteiro, mas não podem. As que são mães a tempo inteiro, e gostavam de ter um emprego 9 to 5. As que não são uma coisa nem outra, e não param de fazer ginástica. As que não dormem (ou pior, dormem duas horas, entrecortadas) e trabalham no dia seguinte. As que dão de mamar e de mimar. As que esquecem que tudo existe (até os blogues) para estar ao pé dos filhos quando eles precisam. A vida é boa e bonita, mesmo quando parece que só quer contrariar!)
(na imagem, um feliz presságio de Primavera, com alguns rebentos da minha Oliveirinha Palito e uma andorinha de Bordalo)
Anúncios

Respond to Venham as Andorinhas

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s