Tradução e Legendagem (O Rei Vai Nu)

A ideia é simples: pegar em fotografias de interiores cool, geralmente habitadas por artistas, criativos e outras almas de fazer roer de inveja o comum dos mortais, todas publicadas em revistas da especialidade (Wallpaper, dwell et alt.) e dar-lhes a volta, agitá-las, subvertê-las, pelo mero acrescento de um comentário finíssimo. Basta uma frase – acutilante, lírica, corrosiva, desapaixonada – para destruir em segundos aquilo que terá levado uma vida a fazer. Uma reputação. Uma ficção.

Desde que descobri este blogue, uma espécie de dark side do The Selby, não consigo passar um dia sem o espreitar. E rir até às lágrimas. Descontextualizadas, ridicularizadas, estas imagens ganham um novo fôlego. E as legendas são pura literatura.

(que me perdoe a esquerda lux, mas era divertidíssimo ver os hipsters nacionais assim retratados. A imagem é um screenshot do UH)

Anúncios

Respond to Tradução e Legendagem (O Rei Vai Nu)

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s