Porte-monnaie (Urdume)

Isto que aqui vêem é uma sucessão de carteiras da marca Urdume (que são os fios que suportam aquilo que se tece no tear, os fios invisíveis). São feitas à mão e são de uma perfeição comovente. Com tecidos africanos, mas não só. São vintage como as nossas avós. Descobri-as na feira dominical do Jardim da Estrela e trouxemos uma para casa, claro. Cá em casa, como somos muito finos, chamamos-lhe “porte-monnaie”. É má bonito. Começou por ser no gozo, mas tornou-se uma palavra instituída. Tentei tirar uma fotografia à minha, um amoroso presente presencial de J., mas não há maneira. Por isso aqui fica, o retrato oficial para a posteridade. É um mimo.

(todas as imagens são da Urdume, porque cá em casa, podemos ser muito finos, mas não conseguimos fotografar devidamente o porte-monnaie)

Anúncios

Respond to Porte-monnaie (Urdume)

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s