Regresso às Aulas

O bairro está cool. Ele é novo Hotel da Estrela, ele é Igreja de Santa Isabel com um novo céu. Maravilha. Ainda não consegui ir à Appleton ver  a intervenção de Michael Biberstein e Miguel Vieira Baptista na igreja sombria, mas ao Hotel da Estrela já fui (é mais perto, e somos preguiçosos).

A abertura era uma confusão de senhores engravatados que não queriam perder o croquete. Eu prescindi do croquete (até porque não se via nada, e é bom saber o que se está a comer. Na tábua de queijos, sobre uma mesa mal iluminada no exterior na penumbra, não se distinguia um camembert de um queijo da ilha) e lá dei uma volta pelo espaço. Para quem não sabe, o novo Hotel da Estrela é o “Hotel de Aplicação da Escola de Hotelaria e Turismo de Lisboa”, o que significa que os aprendizes, que estudam mesmo ao lado, têm aulas práticas no estabelecimento. Os clientes são as cobaias, mas como são todos muito simpáticos, táss. Não havia press release disponível, mas um rapazinho da dita escola que fazia de cicerone lá explicou que o hotel tinha 19 quartos e não sei quantas suites, que era um dos small luxury hotels of the world e que na “decoração” havia elementos modernos mas também muitos objectos antigos, retirados de escolas (se da que existia ali antigamente, ou de outras, não nos soube responder). Pelo convite, descobri que o hotel é mais uma parceria público-privada (digo eu), porque os anfitriões eram o Turismo de Portugal e o Grupo Lágrimas. E porque sou jornalista, e chata como me compete, ao fim de várias tentativas consegui que me revelassem a autoria do projecto de interiores, que é de Miguel Câncio Martins (o mesmo “do Buddha Bar”, esclarecem.). Enfim, a ideia até é… “engraçada”. Um mix entre a história do lugar (a antiga Escola Machado de Castro), com os seus quadros de ardósia, as suas carteiras, os seus esquadros, mapas e globos terrestres, e o dézaine de ontem e de hoje  (Panton Chairs ao lado do Honesty Bar, um banco de Brízio numa das suites). Outra coisa é o resultado. O melhor é mesmo a recuperação do edifício, que não sei de quem é. Mas insistindo, insistindo…

Anúncios

Respond to Regresso às Aulas

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s