Useful, beautiful

icon-06unnamed

“Have nothing in your house that you do not know to be useful, or believe to be beautiful”, lá dizia William Morris, um dos paizinhos do Arts and Crafts. Estava-se no século XIX, mas o senhor barbudo tinha mesmo razão, e hoje, no meio de tanto excesso e fealdade, as suas palavras são ainda mais certeiras. Pois bem, a designer francesa Inga Sempé leva-o à letra, au pied de la lettre, com o dom que tem de juntar as duas coisas – o útil e o belo – num só objecto.

Estas novidades, editadas pela Hay, e que acabei de redescobrir, são um daqueles não s’aguenta fulminantes. Ao ver este Pinorama, lembrei-me instantaneamente daquele adorável ícone da arrumação produzido pela Vitra, mas este tem a vantagem de ser mais arejado e flexível (duas qualidades que aprecio muito na natureza, nos objectos e nas pessoas em geral). Para além de ser modular e de ter, nas costas, uma pranchinha de cortiça (yeah! yeah!) perfeita para fazer voodoo organizacional.

Já as caixas – chamam-se letter boxes – são isso mesmo: caixas para guardar cartas e outra memorabilia em papel, com gavetinhas à antiga, feitas de cartão e forradas com papel. São um encanto. Verdadeiras caixas de surpresas num mix and max desfasado e em harmonia, em que nem tudo o que parece é. Revelam, por dentro, o que não são por fora. Exactamente o contrário da maioria das pessoas, que adoram revelar, por fora, o que não são por dentro. Ou seja, ludibriar o próximo.

Estas caixas são de confiança. Por isso gosto delas. Hoje está sol e o fim-de-semana está aí.

 

“Have nothing in your house that you do not know to be useful, or believe to be beautiful”,said William Morris, one of the mentors of Arts and Crafts. This was back in the nineteenth century, but the bearded gentleman was so right, and today, in the midst of so much excess and ugliness, his words are even more compelling.

French designer Inga Sempé takes his words au pied de la lettre, with her gift to combine the best of two worlds- the useful and the beautiful – in a single object. These new products, edited by Hay, which I just rediscovered, are one of those fulminating coups de foudre. Seeing this Pinorama reminded me instantly of that lovely icon of storage produced by Vitra , but this one has the advantage of being more flexible and airy (two qualities that I greatly appreciate in nature, objects and people in general ). In addition to being modular and having, in the back , a small cork board (yeah ! yeah !) perfect for making organizational voodoo.

As to the boxes – they are called letter boxes – they’re just that: boxes to store letters and other paper memorabilia, with little drawers, made ​​of cardboard and covered with paper. They are charming. They’re real surprise boxes, an asynchronous, harmonious mix and match where everything is not what it seems. They reveal, inside, that which they are not, from the outside. Exactly the opposite of most people, who love to reveal on the outside, that which they are not inside. That is, to deceive others. These boxes are reliable. So I like them. It’s a sunny day today and the weekend is almost here.

letterbox_08pinorama_03letterbox_01letterbox_05letterbox_03

Anúncios

Respond to Useful, beautiful

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s